2007-01-19

Propaganda fraquinha (Check-in para o Inferno)

Estou muito desiludido com a propaganda que se tem feito a favor da despenalização do aborto ou contra a mesma.
Os políticos, ou quem trabalha para eles, padecem de grave falta de imaginação. As frases que se vêm nos Outdoors são rimas baratas ou frases de bolso, algumas delas bem falaciosas. Estes painéis que nos inundam a vista, podem e devem ter frases mais fortes e que apelem ao voto. Deixo aqui algumas sugestões.

Contra a despenalização aborto:

  • E se você quer ser cá da malta, tem que gestar, que gestar até ao fim (até ao fim - em coro)! E foi acima foi abaixo e foi pra dentro, não bota abaixo.
  • Não brinque com o aborto. Ele ainda não sabe brincar.
  • Não pense mais no Santana Lopes e diga sim à vida.
  • Meninas más que abortam não podem ver as novelas da TVI.
  • Você parece uma criança que quer ver a prenda antes da noite de Natal. Aguente-se pá!
  • E quem aborta, não é da malta! E quem aborta, não é da malta!
  • Na volta são só gases. Espere só mais uns meses para confirmar.
  • Você quer o rendimento mínimo garantido ou não?
A favor da despenalização do aborto:
  • O seu rabo vai aumentar 10 vezes. Evite enquanto pode.
  • Os seus peitos vão chegar ao chão. Nem vale a pena vir com aquela do "Dr. Preciso de Ajuda!".
  • Vai deixar de ter tempo para ir ao solário.
  • Boicote o lobby dos contraceptivos, há outras maneiras de resolver essa coisa que está aí pra dentro.
  • Seja dona do seu corpo. Grite a plenos pulmões: "Tu não mandas em mim! Toma, toma!"
  • A vida é um bem precioso. Use-a para chantagear o seu companheiro infértil!
  • Evite o nascimento de mais bloguers atrasados mentais. Aborte já!
Nota: O bloguista compreende que esta matéria é dramática e foi abordada com um terrível mau gosto. Toda a gente sabe que estas frases não cabem em Outdoors.

4 comentários:

  1. E além disso, a gravidez é o aumento mamário das pobres.

    ResponderEliminar
  2. É muito bem apontado. Toda a mulher deve ter o direito de engravidar para acrescentar algum volume aos seus peitos. O puto é claramente um ser parasita a ir para abate. É um efeito colateral.

    Nada como usar palavras como "outdoor" e "marketing" para atrair uma respeitável copywriter. Salve a sua honra, apague o seu comentário deste blog.

    ResponderEliminar
  3. Exagero nada! Há que ter boas "assinaturas de campanha" (eu armado em esperto) para que os eleitores prestem atenção à mensagem que se tenta passar!

    ResponderEliminar