2012-07-22

Cada vez que...

... alguém decide esfregar na minha cara a sua felicidade, o Amor, a vida perfeita, colocando, por exemplo, fotografias do seu casamento no Facebook acompanhadas de legendas impróprias para diabéticos e azedos, respiro fundo e penso no sorriso* que estará estampado na minha cara quando tomar conhecimento do divórcio.

* Poderá ser acompanhado por violentas gargalhadas no caso de haver violência doméstica ou se tiver como grandioso final um homicídio/suicídio.

7 comentários:

  1. Credo!
    Vá, deixa-te lá levar pelo sol, calor, pólens pelo ar e dá lá um sorriso a favor da felicidade alheia, seja lá qual for o fim... :)

    ResponderEliminar
  2. Quando nas fotos está a frase "My favorite color is Love", como querem que resista?
    O meu azedume não tem estado civil.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mas isso do "love is my favourite color" não é uma empresa de fotografia?

      Eliminar
    2. Depois de uma pesquisa... parece que tens razão.
      Nível de instinto homicida foi reduzido para Defcon 2.

      Eliminar
  3. Fala daqui uma pessoa sem Facebook. Também por causa dessas coisas que aí descreves. Eu sou demasiado sensível dos nervos para aguentar essas imagens. E também demasiado estúpida para não comentar com um impropério qualquer.
    São tão horrendas essa necessidade de demonstrar e essas certezinhas absolutas tão efémeras!
    Quem lida, vá, diariamente, com divórcios - que são o culminar dessas certezinhas absolutas todas - também gargalha assim. Violentamente.

    ResponderEliminar