2011-09-28

Reticências

O mais recente sinalizador de gente parola.

16 comentários:

  1. Na escrita, dão um pouco ar de "e mais não digo, porque sou uma pessoa misteriosa, vulgo incapaz de continuar a encadear este pensamento".

    Mesmo bom é na oralidade (por mais dúbia que esta expressão pareça): "Olhe, eu aí ponho as minhas reticências".

    ResponderEliminar
  2. Gente parola que posteriormente classifica outra gente de parola tem a sua graça "..."

    ResponderEliminar
  3. então explique lá porquê?
    como é que o menino Piston chegou a essa conclusão?

    ResponderEliminar
  4. Na escrita as reticências servem para transmitir uma pausa antes de uma conclusão, tipo: o piston é...parvo. A falar faz-se exactamente o mesmo mas como estás a ouvir a pessoa percebes pelo tom.
    ou então um "mais não digo", não porque se é incapaz mas porque não se quer.

    Isto é ser parolo? Trata-te rapaz.

    ResponderEliminar
  5. E geralmente usam mais do que três pontinhos.

    Mariam, excelente conclusão ;)

    ResponderEliminar
  6. Olha... que merda... acabei de ser insultada por uma coisa que faço... há anos...Humpf!

    ResponderEliminar
  7. E também embirramos com os pontos de exclamação? e com bonequinhos destes :);):D?

    ResponderEliminar
  8. Poisoned, obrigada :-) eu também achei.

    E excelente blog o teu, que eu leio diariamente e nunca comentei. Hoje é o dia.

    (trapos lindos, para além de um consultório sopimpa, para quem não conhece. Existem?)

    ResponderEliminar
  9. escreve-se "supimpa", devia estar a pensar na sopa do jantar, feita sopeira. Mil perdões.

    ResponderEliminar
  10. Isso e pessoas que dão espaços entre o fim da palavra e o sinal de pontuação.

    e.g: ai estou tão feliz ! ! !

    ResponderEliminar
  11. Oh pá até que enfim alguém que percebe! Então se for um gajo, mais parolo fica ainda. Acrescento mais uma que irrita, pessoas que escrevem sempre assim: olá!!!!Tudo bem????? Que fazes???????? Ok!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderEliminar
  12. Concordo em pleno.
    Abreviaturas em excesso, pontuação despropositada são sinais claros de quem é "pacheco".

    ResponderEliminar