2011-09-30

Fuga para a frente

Numa recente conversa pelo Facebook, eu, armado em campeão porque tinha acabado de aceder a uma informação importante, saio-me com esta maravilha como quem diz "se não me fazes as vontades conto tudo":
 - Trás-me torradas e chá

Depois de sofrer ameaças da parte da interlocutora alegando que a qualquer momento ia utilizar a minha burrice ortográfica para me humilhar, serve este post para cortar-lhe todo o eventual prazer que poderia obter com este meu lapso.

Nota - Estou familiarizado com as diferenças entre "traseiras" e "trazer". Não percebo porque razão me ando a espalhar com tanta frequência nos últimos dias.

3 comentários:

  1. Lá está o tipo de situação em que uma pessoa de bom fundo não te meteria. Discretamente, avisar-te-ia via mail privé.

    Os lapsos de escrita são típicos dos génios (acabei de inventar, mas deve ter um fundo científico - não deve ser por acaso que até os grandes escritores têm correctores ortográficos. E olha lá, sai cada broa na impressão, mesmo assim!)

    ResponderEliminar
  2. São mimos, são mimos. Um instinto maternal apurado (e apontado) para tudo o que tenha menos cinco ou mais anos do que eu. Mas só digo verdades aos filhos, mesmo aos que não me saíram das entranhas (como é bela esta imagem mental).

    ResponderEliminar