2011-08-11

Precoce

Espero que os jornalistas estejam conscientes de que quando usam a expressão "xpto de palmo-e-meio" estão a sugerir que andam por aí grupos de fetos a fazer actividades várias para além do típico "estar morto num contentor do lixo".

Isto é estranho e levanta suspeitas.

8 comentários:

  1. Agora mais devagar para a africana do Alentejo:

    - Crianças fazem uma visita de estudo a uma pastelaria
    - Começam a aprender a fazer bolachas
    - Jornalista chama-os "pasteleiros de palmo-e-meio"
    - Vê-se claramente que os putos são maiores que isso
    - Chego à conclusão que só um feto é que poderia ter tal comprimento

    ResponderEliminar
  2. certíssimo. saber que foi numa pastelaria fez toda a diferença.

    ResponderEliminar
  3. Na verdade foi só um exemplo. Elas estavam a visitar num bordel.

    ResponderEliminar
  4. num bordel não chamaria pasteleiros. mas não vamos por aí. vamos pensar que o xpto é mais do que a tua mente badalhoca.

    ResponderEliminar
  5. Não foram só as palpebras. Acho que tens a mioleira frita.

    ResponderEliminar