2011-05-18

Em caso de dúvida siga em frente

A resposta ao post anterior chegou-me de manhã com uma estranha naturalidade. É básica e é para aplicar.

Sendo certo que o meu problema básico não é não atingir um objectivo mas sim não saber que objectivo quero atingir, vou desde já deixar-me de paneleirices e avançar à tanque de guerra.
Até perceber para que lado quero virar* vou seguir em frente sempre que possível, contornando o que for necessário.

Acordei a comparar-me à Carolina Patrocínio e a imaginar que isto é o tipo de dúvidas que assalta quem tem excesso de meios para tirar caroços de cerejas.

Puta-que-me-pariu e siga a rusga!

* Já fizeram todas as considerações sexuais? Contentinhos?

6 comentários:

  1. Uvas. São uvas o que a Carolina não descasca. Pôs-se-me sempre a dúvida sobre o que é que ela faz àquele (brutamontes do) namorado (Gonçalo) Uva - também é a empregada que lho descasca?

    ResponderEliminar
  2. Eu não pensei em coisas obscenas...
    Apenas acho que por vezes a vida do ser humano sofre dessas coisas...
    Dúvidas, mais duvidas, ainda mais duvidas....
    O que é uma estupidez... mas pronto!
    Quando pensamos acho que f**emos tudo!!

    ResponderEliminar
  3. vais seguir em frente mas com que objectivo? Já tens?

    ResponderEliminar
  4. hahahaha. cá para mim aquela merda funciona mesmo! hahaah.

    PUT ON YOUR SHOES AND GET WALKING RIGHT NOW!


    tou cuntigo! ;)

    ResponderEliminar