2010-07-30

António Feio - Palmas para os sentimentos forjados

Eu tento sempre que possível evitar estes assuntos que vão ser mais que falados em tudo quanto é blog mas, este em particular, não evitarei por essa mesma razão. Vai estar em tudo quanto é sítio e vai meter muito nojo.

António Feio não me tocou nem enquanto homem nem como profissional. A morte dele comove-me tanto como a de qualquer outro algarismo por esse mundo fora.
Irrita-me que se tenha feito dele, por ter tido a má sorte de ter cancro, uma espécie de herói nacional do IPO. Tirando as pessoas que sofrem, sofreram ou conhecem alguém com quem têm afinidade que já padeceu do mesmo mal, acho uma completa palhaçada este sentimento de luto em massa que se vai fazer sentir nos próximos dias.

António Feio não é nem nunca foi uma grande referência em Portugal. Poderá ter sido uma boa pessoa? Não faço ideia nem quero saber. Apenas sei que o que mais me incomoda na morte dele é o facto de ter que passar um dia sem me poder cruzar com a imprensa nacional.

O medo da morte não deveria ser razão suficiente para fazer de uma pessoa aquilo que ela não é.

Adenda: - Este post só pretende ser ofensivo para aqueles que do nada começaram a ligar a uma pessoa só porque ela tem cancro. A morte do António Feio é uma notícia mas não justifica o mais que previsível espalhafato mediático que estou certo que irá ser.
O nosso medo de um dia ter que andar nos sapatos dele não deveria ser o suficiente para alterar a forma como apreciamos o seu trabalho. No final de contas, a maior parte das carpideiras que se vão passear pela imprensa fazem-no porque fica bem.
Lamento a sua morte mas não altero a minha opinião acerca dele só porque ele sofreu nos últimos meses de vida. Conheço-o como profissional, não vou reagir como se fosse um amigo.

2010-07-28

Hábitos alimentares

99% das mulheres com quem eu teria sexo garantido conseguem irritar-me apenas com uma frase. Nessas frases incluem-se mas não estão limitadas a:

  • Bom dia
  • Olá
Conseguimos assim tirar várias conclusões:
  1. Por uma frase entende-se qualquer frase e, muitas das vezes, a primeira frase.
  2. aqui ideias que não sofreram qualquer revisão e isso é mau.
  3. Assumindo que esta estatística de merda tem o mínimo de veracidade, seria necessário ter 100 moças à minha disposição para fazer coisas bonitas com o ponto percentual que resta e que se afiguraria de elevado nível.
  4. Estou fodido (e no entanto não estou, mesmo).

2010-07-27

No sexo...

... como na vida, a palavra cachinataba não faz qualquer sentido (a menos que sejas epiléptico).

2010-07-16

Boing

Há algo extremamente errado com a cadência do passo, com o material ou com o suporte quando uma mulher consegue fazer quatro ressaltos com seios em apenas um passo.

2010-07-13

1, 2, experiência

Estar na presença da baronesa da bufa, Poisoned Apple, não me desinibe nem me dá o direito de activar medidas anti-judeu, por muito que a mãe natureza assim o imponha.

Feita que está a introdução convém organizar toda a informação de forma cronológica:

  • Visita a uma bomba de gasolina para comprar um isqueiro
  • Feita a compra retornamos ambos ao carro
  • 10 segundos depois saio do carro fingindo ter visto alguma coisa estranha na esquina que precisava de verificar com urgência
  • Demoro 20 segundos a ir e voltar nos quais reúno mentalmente o comité de emergência e avalio se tenho condições para me voltar a sentar, aumentando assim a pressão ventral
  • Retorno confiando que a pontada é temporária e que tudo se resolverá com a ajuda do Senhor Jesus
  • Elipse temporal
  • Eu a esgotar todo o papel higiénico disponível
  • Um gato traumatizado para sempre

2010-07-11

Manteiga de Amendoim - quem consegue resistir?

O amigo que vos apresento abaixo não resistiu, como podem ver.



Não percebi bem porque é que, com este calor, o rapaz decidiu que era boa ideia ir aninhar-se em plásticos altamente ruidosos. A cada movimento que ele fazia toda a vizinhança acordava e facilmente dei conta de que tinha visitas.
A sorte deste pequenote é que eu só o queria apanhar e, como tal, não enchi o balde com água. A esta altura ele deve estar a ter acompanhamento psicológico algures pela rua.

Como funciona esta maravilha? Assim:



Será que se aumentar os componentes de forma considerável e substituir a manteiga de amendoim por uma outra substância biológica consigo apanhar a Ana Malhoa?

2010-07-10

Hoje e só hoje (ou pelo menos hoje)!

Prometo que se forem ao site da SIC vão poder ver o Jorge Gabriel a sair de uma vagina.

2010-07-09

http://lagostim.blogspot.com/

A autora deste blog, invejosa e enganada desde que nasceu, endereçou-me o seguinte e-mail referindo-se à postagem abaixo apresentada.

---------- Forwarded message ----------
From:Lagostim
Date: 2010/7/9
Subject: Pefe
To: Piston


Só para dizer que tem mota e vai a concertos. Pedante.

  1. Não fui nem vou ao Optimus Alive. Sou deprimente demais para isso. Vinha do trabalho.
  2. As poucas vezes que referi que tenho mota foi para fins de auto-humilhação. Aqui e aqui!

Toma!

Cinema?

Há mais de meio ano que não meto as patas no cinema. Isto é grave. Tenho saudades de ouvir os funcionários a discutir a qual deles cabe a tarefa de limpar a máquina das pipocas.

Dentro do vosso internacionalmente reconhecido mau gosto sabem sugerir-me alguns títulos que me possam promover o meu reencontro com aquelas caras de gratinado?

Xenofobia Positiva

Algés, 20:48.

  1. Polícia manda-me parar na marginal, junto ao Optimus Alive.
  2. Preparo-me para levar na cabeça porque, claramente, mandou-me parar porque eu avançava de mota, ainda que devagar, pelo meio de duas filas de carros.
  3. "É só para ver a carta. É português? Então pode seguir. Os brasileiros é que andam por aí a conduzir sem carta."
  4. Estive parado durante 5 segundos.

2010-07-05

Self-test

Sai reforçada a certeza de que não tenho nenhum aneurisma a cada visita mais prolongada à casa de banho.

2010-07-04

Aviso

Eu gosto de iscas e não há nada que possam fazer. Perceberam bem? NADA!

2010-07-03

Não dá para compreender...

... como é que um rapaz sensivel, tolerante, agradável e dotado de extrema diplomacia pode estar sozinho num sábado à noite.

Consequências (advirto para a eventual ocorrência de caralhadas várias porque este tema deixa-me fodido)

Estou a ficar farto comó caralho das pessoas que estão constantemente a proteger os outros de arcar com as consequências dos seus actos e que depois de queixam das dificuldades que lhes são impostas.
Ainda há quem saiba o que é pedagogia? Se um cabrão te está a foder a cabeça e insiste em fazer coisas muito pouco acertadas e pelas quais a "factura" ou a factura vai parar à tua caixa de correio, porque puta de razão é que continuas a meter-lhe a mão por baixo? Aquelas justificações de merda de que "se não for assim não se faz nada" não pega.
Se alguém acha que caminhar de olhos fechados é boa ideia, mete-lhe um ancinho no caminho ou, pelo menos, se ele já lá estiver, FAZ O FAVOR DE NÃO O RETIRAR.
Se alguém se atira com frequência de cabeça contra um apetitoso vértice, há que deixar que o destino se cumpra com uma câmara de filmar por perto.
Um país sem consequências é uma merda do caralho.