2010-12-16

Pulseira do equilíbrio

Eu evitei este tema o mais possível mas não consigo resistir.

Tenho-me deparado a altas horas da manhã com um anúncio da TVShop a promover uma falsificação da patranha original. Aparentemente a pulseira activa o São Bernardo que há dentro de nós (1:01):


Ultimamente tenho sido submetido a desilusões devastadoras. Pessoas que conheço profissionalmente e apenas por telefone apresentam-se fisicamente usando uma destas coisas no pulso. Aplico de imediato um desconto de 50 pontos no QI que julgava ser o inicial daquele ser.

Nunca fui submetido àquele maravilhoso teste de equilíbrio que faz com que todo o sabujo se renda ao produto mas interrogo-me:
Para além do expectável efeito placebo será que já alguém tentou reproduzir o mesmo exercício duas vezes sem usar a pulseira?
Não é lógico que depois de te desequilibrarem pela primeira vez, sem aviso prévio, consigas aprender o suficiente para oferecer mais resistência à segunda tentativa?

Andar com um telemóvel amarrado ao escroto tem um efeito electro-magnético bem superior a 30 pulseiras de plástico e não faz de mim uma pessoa mais feliz ou equilibrada.

A minha nova definição de estado vegetativo: um membro de uma tuna com uma pulseira mágica.

8 comentários:

  1. Por que as pessoas podem sentir medo. Estou lhe convidando a visitar o meu blogue e se possivel seguirmos juntos por eles. Estarei grato esperando por voce lá
    Abraços de verdade

    ResponderEliminar
  2. até que enfim alguém desenvolve um raciocinio igual ao meu - é óbvio que há segunda já não te desiquilibras!!! mas não ainda vieram com a teroria,"ahh mas a seguir tiram a pulseira outra x e testam!" e pronto ficamos nisto durante horaS - com pulseira! agora sem pulseira! com pulsira outra vez! e mais uma vez sem pulseira! por cristo!!!

    ResponderEliminar
  3. José, antes que me explique que está a tentar impingir-me uma religião, aviso-o desde já que Deus é mais ou menos uma pulseira.

    Miss, casar?

    ResponderEliminar
  4. Essas pulseiras já viram a sua publicidade proibida em alguns países e já tiveram de pagar multas em outros. Por aqui... também devem ter enganado as associações de consumidores, não sei...

    ResponderEliminar
  5. http://gizmodo.com/5723577/powerbalance-admits-their-wristbands-are-a-scam

    ResponderEliminar
  6. aleluia! afinal há seres inteligentes neste planeta!

    Esta pulseira foi a maior peta (como quem diz) a seguir às do Sócrates!
    Pior é que tanto num caso como noutro, há sempre povo que acredita..

    ResponderEliminar
  7. Priceless: "A minha nova definição de estado vegetativo: um membro de uma tuna com uma pulseira mágica."

    ResponderEliminar