2010-01-01

Carlos Queiroz ama Black Eyed Peas (escrito com um canivete numa árvore)

Para os menos atentos passo a explicar a origem do amor entre os Black Eyed Peas e Carlos Queiroz, aquele PROFESSOR que acha que estas duas medidas não encerravam suficientemente a pedagogia que pretendia transmitir: 

  • Não cortar a barba até que houvessem golos
  • Comemoração da aula número 100 fazendo uma festa com rebuçados

A TSF, num programa em que convidam pessoas famosas a elaborar a sua própria playlist, captou (0:50) uma confissão do nosso adorado professor de catequese.

Acho que podemos neste momento afirmar que a puta da música vai enjoar em menos de nada. As rádios e televisões não tem qualquer continência no que toca a reproduzir este fantástico tema que nos remete para a maior acção de flash mob de sempre (excluindo aquela coisa da gripe A) e para uma interprete de condição mamária jeitosa e com pinta de pêga.

Tirando o facto de não perceber o que faz um camião amarelo no palco, confesso que é um espectáculo admirável mas que, por começar a tornar-se moda, vai perder rapidamente o encanto que só as coisas raras têm.
Por falar em flash mob, foi isso que a SIC tentou fazer ontem à noite nos Ídolos? Houve mais alguém deprimente e com acesso a uma televisão que tenha presenciado tal evento? Eu aposto que conseguia fazer melhor trabalho a coordenar uma coreografia de poias numa ETAR.

Já que aqui estamos gostaria de dirigir umas palavras àqueles jornalistas e políticos que descobriram este ano a expressão "sound bite": já metiam isso no cu, não?

I'm back baby (extra-angry sauce included)!

5 comentários:

  1. É bom ver-te de volta.

    Mais um bocadinho estás numa academia de dança a dançar salsa.

    Mas eu não gosto de más línguas.

    ResponderEliminar
  2. Irmãos Catita, albúm Mundo Catita, Putas em Portugal e no Mundo.

    ResponderEliminar
  3. Eu sei que isto nem tem nada a ver, mas porque é que aparecem anúncios sobre depilação a laser no teu blog?...

    ResponderEliminar
  4. Alexandra do pé, algum dia? A raiva não me dá coordenação e não me tira a timidez.

    Alexandra do campo, contexto?
    O senhor da publicidade lê os posts e acha que isso tem tudo a ver com o que está escrito...

    ResponderEliminar
  5. Não gosto da música desde sempre, dá-me nos nervos!

    ResponderEliminar