2009-08-31

3 anos - A decadência

Este blog está claramente idoso. Não é pela reduzida idade que completa no dia de hoje mas sim pela decrescente frequência com que o autor o alimenta. Mais dia menos dia encontro-o a flutuar na Web de barriga para cima.

À parte da parca frequência, a qualidade também tem sido miserável.
Não vou pedir desculpa por escrever pouco. Isso seria um exercício de pretensiosismo muito para lá dos limites do que aceito nos outros e em mim próprio.
Fechar o blog é outra hipótese que não se coloca. É estratégia que abomino e que é geralmente utilizada por quem implora por grandes manifestações de admiração e por inúmeros comentários dramáticos, pedindo que o fecho não se concretize. Esta merda não dá despesa, não paga renda e não tem contribuição social obrigatória. Por muito pouco que escreva, fica aberto.

Como já devem ter percebido, a falta de actividade por aqui não se deve de todo por uma falta de coisas que me irritem. Podemos por exemplo abordar a temática da avestruz que apresenta alguns blocos informativos da TVI. Pedro Pinto ou copiou à risca todo o estilo da "amiga" do Marinho Pinto ou então está a tentar acasalar com o espectador. Já repararam como o rapaz não pára quieto na puta da cadeira enquanto apresenta o jornal? Se aquilo é um ritual de acasalamento, que desista já. Não me leva para a cama.
Por falar em cópias, também poderia abordar o facto de existir um blog, o "Shiuuuu", uma cópia do original "Post Secret" que, ignorando o facto de ser um plágio descarado, contém em si na maior parte das vezes "segredos" que não servem como exorcismo de fantasmas pessoais mas como simples e banal exibicionismo.
Anda muita gente com atraso mental a roubar oxigénio neste planeta.

2009-08-24

Aventura, suspense, sensualidade, perplexidade, repulsa e emoção num só post!

Imaginem Manuela Ferreira Leite e Odete Santos usando apenas lingerie e praticando actividades não-compatíveis com a discussão de ideologias políticas.

2009-08-20

Oh meu Deus, flutuará?

Estou a interrogar-me desde há pouco, após ouvir uma piada sobre testículos, se o escroto flutuará?
Examinei com cuidado e parece que há ar no seu interior, não conserva as jóias em vácuo.

Se se confirmar esta teoria posso desde já esperar com alguma ansiedade a chegada da minha terceira idade. Sempre que me banhar numa praia de nudistas posso contar com um confortável apoio para o queixo.

Há coisas que não têm preço.

2009-08-06

Querido Marco Paulo:

Há uma frase proferida nas poucas aulas de religião e moral frequentadas por mim, que permanece na minha mente já há quase 20 anos. Dizia a certa altura a professora que "nada acontece sem ser a vontade de Deus".
Posto isto, queria explicar-lhe que o cancro que usa agora para promover um produto na televisão, foi-lhe dado por Deus. Aparentemente Ele gosta tanto da sua música que tentou matá-lo.

Dou-me ao trabalho de escrever estas linhas para passar as seguintes ideias:

1 - O cancro foi-lhe dado, repito, dado. Se não pagou por ele também não deve fazer lucro com o mesmo, pelo menos sem dar uma parte ao Autor.
2 - Os direitos conexos não se aplicam neste caso, por muito bom intérprete que pense que é.
3 - Ou Fátima e Deus são rivais num grande derby, ou se calhar está na hora de parar de agradecer a seres imaginários.

Para terminar queria dar-lhe os meus parabéns. É que nem a mim, a ruindade em pessoa, me ocorreria tentar amedrontar as minhas fãs para as fazer comprar um Danacol.
Você é realmente uma pessoa excepcional.

2009-08-05

Ética à retaguarda

Viajava num comboio regional, num daqueles em que há poucos passageiros e em que devido a peripécias durante o percurso nos tornamos, por breves instantes, numa pequena família.
A viagem decorria à tarde, porém, o cansaço era mais que muito. Boa parte das pessoas dormiam, algumas haviam aproveitado a baixa lotação para se estenderem ao comprido, dormindo como bebés.
Exploro outras carruagens em busca de espaço livre. Encontro-o e deito-me em posição fetal.
A minha mente passeia nos limites da consciência. Algo me incomoda. Sinto uma pressão gasosa no recto. Tenho-a sob controlo mas conseguirei fazê-lo durante o sono?
Dois terços dos olhos fecham, o resto permanece num perigoso limbo.
Acordo sem a noção do tempo mas com a sensação "smoking gun". Teria gaseado a minha família? Que tipo de monstro teria tal falta de compaixão?
Levanto-me e afasto-me de olhar no chão.

Este texto é dedicado aos homens que todas as manhãs assustam os pássaros do bairro quando estão no banho e a todas as mulheres que sofrem em silêncio (também conhecidas como bufadoras).

2009-08-01

Os perseguidos

Pela indignação com que disse "Basta de tratar mal os clubes de futebol e os seus dirigentes" (que são claramente as "empresas" e "empresários" mais perseguidos e com menos benesses de todo o país) e também pela forma encantadora como pronuncia "prestações", acho que é justo que Hermínio Loureiro, presidente da liga portuguesa de clubes de futebol profissional, não saia deste mundo sem uma recordação especial.

Sugiro que lhe seja removido o esfíncter de forma cirúrgica. O controlo fecal é um privilégio que só deve estar ao alcance de quem não cede à tentação de verbalizar ideias de merda com o objectivo de conseguir aceitação da parte dos membros da sua "congregação".