2009-12-13

Silêncio

Por muita vontade que tenha de escrever (e tenho tido) não me vem nada à cabeça que seja minimamente interessante.

Não percebo o que se passa. Continuo tão amargo, irritado e maldoso como sempre mas, ainda assim, parece que não há nada que se aproveite nesta cabeça.

Terei esgotado todo a força anti-Natal que há em mim?

10 comentários:

  1. Acho que apenas te embebedaste quando escreveste isto.

    ResponderEliminar
  2. Eu tenho um amigo que conhece uma pessoa que tem a solução para isso. Chama-se Blogagra e são uns comprimidinhos laranja, que fazem maravilhas.

    ResponderEliminar
  3. Pá... tipo... não sei!

    Passa-se o mesmo com os meus comentários.

    ResponderEliminar
  4. Darling,

    Estou assim há um ano. A explicação é simples: O que queima os neurónios é o frio e não as bebedeiras.

    ResponderEliminar
  5. Esqueci-me do feed. Demoras dois anos a responder e nessa altura já terei apanhado mais frio.

    ResponderEliminar
  6. Sophie, estás certa. Acho que só vou capitalizar isso na véspera e no próprio dia.

    Alexandra, falso.

    Mak, e depois tenho que ser eu a ler isto várias vezes a um ritmo exponencialmente crescente? Não, obrigado.

    Shadow, há uma ligação entre nós.

    Alexandra, maleitas diferentes. Os mesmos sintomas não conduzem aos mesmos diagnósticos.

    ResponderEliminar