2009-05-17

Globos de Ouro I

Só vi 35 minutos e já tenho montes de coisas bonitas a apontar:
  • Tenho tanto apreço pena Eunice Muñoz como por um pano da louça (e olhem que não nutro grande carinho por aquele pedaço de pano amarelo).
  • É muito agradável ver tanta gente a atirar pás de terra para cima do António Feio (nota: ele ainda não morreu).
  • Qualquer cagalhão com cancro merece uma ovação (e não estou a dizer que o senhor o é).
  • A vencedora do globo para melhor actriz, no final do discurso, faz questão de salientar que é preciso subsidiar o cinema. Somos merda e como tal não somos capazes de ser auto-suficientes (foi o que ela quis dizer sem saber). Fosse eu da organização e batia-lhe com o globo até ele ficar de prata.
  • A vencedora para melhor manequim feminino é feia como um morcego.
  • Gosto de ver a inveja espelhada no rosto de quem parece ser bom perdedor.
  • As mamas da Leonor Seixas podem albergar com facilidade uma pequena vila.
  • Catarina Wallenstein é a coisa mais fria que alguma vez tive o prazer de observar (eu não estou, obviamente, incluído).
Adenda: Carlos Cruz já não é pedófilo! Foi entrevistado à saída e não havia uma junta de apedrejamento à espera!

12 comentários:

  1. Por momentos pensei que a gala nunca tivesse tido gafes,assim sim,estamos com a produção televisiva portuguesa no apogeu.

    ResponderEliminar
  2. Esqueceste-te de dizer que a Ronalda tá feita num bidom. Credo. É demais tanto tecido adiposo.

    (as mamas da Leonor são bem boas, até a mim me apetece)

    ResponderEliminar
  3. Tenho a dizer que não gostei muito da gala... Quanto a Catarina Wallenstein tb conocrdo ctg plenamente... Tb acho estúpido lembrarem-se das pessoas quando elas estão com o pé para a cova (espero que ele não esteja...). Mas só se lembram das pessoas quando elas não estão ou não terão oportunidade de estar muito mais vezes... A Cátia Aveiro parecia uma matrafona, o Palma esteve mais sóbrio que o ano passado(ou disfarçou bem...) mais... não gostei muito resumindo :)

    ResponderEliminar
  4. Portugal no seu melhor...ainda bem q n viste o resto, teria sido pura tortura.

    ResponderEliminar
  5. É de salientar a energia frenética da Dª Guimarães Carrilho, cujo esposo sorria de modos a que dizia "desce do palco, filha que já me estás a envergonhar, e por favor, de cada vez que fores lá atrás, não bebas mais ...".

    Os momentos "Vamos aqui imitar os Óscares" com as nomeaçoes de Melhores Actores, tanto Masculinos, como Femininos.

    E ... O que meu Deus se passou (literalmente) pela cabeça da Sandra Barata Belo ?!?!?

    É assim ...

    ResponderEliminar
  6. Por acaso é coisa que não vejo, essa pessegada dos globos de ouro. Vejo outras pessegadas, mas essa não. Por incrível que pareça, não conheço mais de metade das pessoas de que falas...

    ResponderEliminar
  7. Alexandra, não foi bem gafe, é espírito tuga ao rubro.

    Intruso, eu acho que ele percebe que a estrela ali é a multiplicação de células pouco simpáticas.

    Lady, neste blog só se fala de merda quando no seu sentido fisiológico. Ronalda? Isso é resíduo hospitalar?
    Afirmares-te como Bi é um golpe baixo.

    Amarrotada, Cátia pelo que sei escreve-se com "K" ou com "S" de sofá.

    ResponderEliminar
  8. Mania a minha de achar que ainda posso dar desconto a estes momentos...:/

    ResponderEliminar
  9. Só com a descrição q fizeste às mamas da Leonor, arrependi-me logo de n ter visto o espectáculo...

    ResponderEliminar