2009-03-12

Se eu fosse Deus

A minha primeira preocupação, assim que me sentasse no meu gabinete, seria decidir quem haveria de matar. O planeta está à beira da ruptura e há que poupar nos recursos. Temos que reduzir o consumo dos valiosos bens: água e oxigénio.

1 - Assim como quem não quer a coisa, dizimava o Clero. Era capaz de deixar viver uns quantos membros que tivessem genuíno empenho em causas sociais, os outros iam todos, com algum prazer irónico, para a fogueira.

Porque é que mataria os pobres senhores?
  • Gosto pouco que me metam palavras na boca
  • Gosto pouco que façam dinheiro à conta de falsidades imputadas a este que vos escreve
  • Gosto pouco de filhos-da-puta deste naipe
  • Gosto pouco de filhos-da-puta que fodem mas que dizem que sem ser para ter filhotes não pode ser
2 - Teleportava em simultâneo todo o corno (homem ou mulher) para o leito onde estivesse a ocorrer uma traição. Começava de imediato a comer pipocas.

3 - Chamava Alá ao meu gabinete e dava-lhe um chapadão, só para mostrar que entre entidades que não existem, eu sou o mais forte.

4 - Descaía as mamas da Maya até ao joelho. Por cada correcção que ela tentasse fazer escrevia-lhe com um ferro em brasa as seguintes palavras "Não se mexe na criação de Deus. Vê se páras de olhar para o céu que já me arranhaste a perna duas vezes".

5 - Acabava com a fome no mundo. Lembram-se do assado de sacerdote que fiz no inicio? Que festim!

6 - Trancava numa caixa Manuela Moura Guedes, José Sá Fernandes e Rui Santos, só para ver quanto tempo sobreviviam os três seres mais irritantes do planeta.

7 - Explodia instantaneamente todo o veículo cujo condutor buzinasse assim que o sinal fica verde.

8 - Esperava que José Castelo Branco se encontrasse a defecar e gritava-lhe ao ouvido com a minha voz divinamente grave:
"O TEU ÁLBUM NÃO VALE A PONTA DE UM CORNO.
PÁRA DE REZAR QUE EU JÁ NÃO TE POSSO OUVIR.
JÁ DISSE QUE NÃO TE TIRO AS COSTELAS PARA FICARES MAIS MAGRO.
LEVANTA-TE DO CHÃO! ESTÁS A CAGAR FORA DA SANITA!"

9 - Criava uma lei divina que definia que toda a gente que se queixasse do governo e que não tivesse ido votar teria como pena o nascimento automático de uma charrua no cotovelo. Mais ou menos como um cravo mas com funções agrícolas.

10 - Escrevia no céu:
"Eu sou um pervertido. Se queres acreditar que sou omnipresente fica sabendo que já vi a tua companheira de ângulos bem bizarros.
Também é possível que eu não exista e que tudo isto não passe de sintomas da tua esquizofrenia."

12 comentários:

  1. Ora aqui uma entidade divina na qual não me importava nada de acreditar!

    Acredito que farias bem o teu papel. Não te queres candidatar a uma qualquer eleição local ou nacional? Votaria, sem dúvida, em ti!!

    Pareces-me um chefe com ideias e vontade de as concretizares! Se precisares de uma secretária conta comigo!

    ResponderEliminar
  2. Se Deus fosse democraticamente eleito, eu votava em ti e mataria quem não votasse!

    PISTON FOR DIVINITY!

    ResponderEliminar
  3. Está mal disposto?
    Vá aqui: http://portaria-59.blogspot.com/2009/03/o-melhor-pais-do-mundo.html
    cumprimentos e bom fim de semana.

    ResponderEliminar
  4. E se fizesses os homens à tua imagem e semelhança, atendendo à tua foto no perfil, aguardavam-nos orgasmos de 30 minutos. Só por isso, estou com a Marta...

    PISTON, Ramsés

    ResponderEliminar
  5. eheheheh =)
    Eras uma divindade diabolicamente divertida!

    ResponderEliminar
  6. Ana Rita, terei detectado uma descarada investida?

    Alexandra, ?

    Marta, reza para mim que o outro não te ouve.

    Portaria, estou, sempre.

    Pedro, "aguardavam-nos"? Oh lá! Isso é uma declaração?

    Poisoned, a Deus, ok?

    Kitty, é gaja para tirar toda e qualquer rigidez do meu utensílio do amor.

    António, vai tu!

    PKB, irritada, isso sim. Divindade constantemente a trovejar.

    ResponderEliminar
  7. Alto!!! "Aguardavam-nos" mas a cada um de nós homens, cada qual no seu curral...

    ResponderEliminar
  8. AHAHAHAH, gostei especialmente da medida nº3.
    A 10 só falha por ser muito longo para escrever no céu, não achas? Podia se rem código Morse, ahahah

    ResponderEliminar