2008-03-06

Sou um caixote de lixo

Vamos esclarecer aqui umas coisinhas. Eu vejo quilos de esterco televisivo. Sinto uma certa atracção por programas merdosos. Estejam certos de que não me mantenho por lá muito tempo. Vejo, mato a curiosidade e, sempre que percebo que o nível não vai descer mais, mudo de canal.

Eu vejo muitos programas femininos e o que é que isso diz acerca da minha sexualidade? Não sei. Deixem-me só perguntar a este moçambicano que está coladinho a mim... Não responde. Está muito cansado.

Isto só para vos dizer que eu até sou rapazinho para ter gosto aceitável, mas ver estes programas é recolher material para muitos posts.
Com o trabalho não se brinca.

10 comentários:

  1. Piston, estou contigo! Excepto na parte do moçambicano... Espero que não te importes.

    Eu percebo-te. Eu também leio muito correio da manhã e mto post jeitoso ele me inspira! (E estou prestes a descer às catacumbas da informação portuguesa e começar a ler o 24 horas...)

    ResponderEliminar
  2. Investigação criminal*1... estás desculpado.

    Cumprimentos ao moçambicano estafado....


    *1 esses programas são terrorismo mental...

    ResponderEliminar
  3. Só de me lembrar quando andavamos com a "febre" do Cheaters!
    (tenho tantas saudades de ver umas pretas à porrada)

    ResponderEliminar
  4. E o Fiel ou Infiel? Lembra-se? Por acaso tenho aki um link de um exemplo de baixaria de um Teste de Fidelidade brasileiro, clicando no meu nome, vou colocá-lo na URL

    ResponderEliminar
  5. Esse era irritante demais. Insuportável ver uma bicha a apresentar um programa sexista.

    Então aquela velharia a fazer comentários a uma ficção de 5ª categoria... Intolerável.

    ResponderEliminar
  6. o fiel ou infiel era um programa didáctico que visava demonstrar as fragilidades de uma relação, perante as tentações da carne. Como o próprio kléber dizia aquilo era um "programa de familia", não culpem o senhor pelo pessoal ser um cambada de badalhocos! ate parece que aquilo era combinado e as pessoas pagas para fazerem aquelas figuras.

    ResponderEliminar
  7. Concordo.
    Também tinha a componente de preservação ambiental. Acho que se devem preservar todos os rambinhus idosus portuguesus independentemente de estarem no seu habitat natural ou de viverem em cativeiro (sustentados por um apresentador idiota).

    ResponderEliminar
  8. Eu anseio por um DVD que reúna os melhores momentos dos programas apresentados pela Teresa Guilherme. Tinha material para uma data de gerações de rafeiros...

    ResponderEliminar