2006-12-20

Carta aberta à minha ex-namorada

Larguei tudo por ti!
A minha família, o meu emprego até mesmo o meu ursinho de peluche!
Não tens coração.
Não consigo acreditar como foi possível ser tão parvo.
Ontem, a frio, pela televisão, tomo conhecimento que não só és casada como andas metida com um velho!
Metes-me nojo.
Nunca mais te quero ver à minha frente!



PS: Só andava contigo por causa do dinheiro. És feia que nem um boi!

2 comentários: